Rosie Ruiz, a maratonista subterrânea

Não. Ainda não estamos de volta. Não completamente, enfim. Ainda estou em viagem e tals. Mas enquanto isso, eu consigo fazer um post ^^

Enfim, o post de hoje é o primeiro post de uma nova categoria – Pessoas. Nessa categoria, eu contarei uma história. Uma história real, sobre, bem, uma pessoa. Claro que essas histórias não são histórias comuns, e essas pessoas realmente fogem do padrão da realidade normal.

A pessoa de hoje é Rosie Ruiz. Ela é uma vencedora… Literalmente, pois venceu a Maratona de New York e a Maratona de Boston. Sim, a Maratona de Boston! Ela é a maratona mais famosa do mundo. É como se fosse a Volta da França para os ciclistas.

Voltemos á 1979. Maratona de Nova York. Ruiz tinha a estimativa de completar por volta de 4 horas a prova, mas acabou completando em 2:56:29, e com isso se classificou para a Maratona de Boston. Um tempo realmente bom, comparando com a sua estimativa. Ela ficou em 11ª na classificação geral.

Então, vamos acelerar á 21 de Abril de 1980. Ruiz correu na Maratona de Boston. Correu e chegou em primeiro, com um tempo realmente impressionante de 2:31:56. Ela venceu as duas maratonas.

Mas, claro, a história não acaba por aqui.

Ela chegou realmente tranquila no fim da prova. Tranquila mesmo. Não suava, seu cabelo e suas roupas estavam secas, sem suor. Ela não está abatida fisicamente. Logo, chega outra corredora – Jackie Gareau. Ela garante que a vitória é sua e que não viu Rosie a prova inteira.

E, realmente, Ruiz não se lembrava de muita coisa. Não se lembrava de curvas ou pontos da corrida, ou muito menos da tradicional passagem ao Wellesley College, onde as pessoas aplaudem e incentivam o primeiro que passa por lá – No caso, deveria ser Rosie Ruiz.

Já havia bastante desconfiança… Mas aí, um jornalista disse que reconhecia a mulher – Afinal, ele havia estado com ela dentro do metrô… Em Nova York, no dia da corrida anterior! Além disso, dois estudantes de Harvard a reconheceram entrando no metrô, agora em Boston.

Resultado – Rosie Ruiz foi desclassificada de ambas as corridas, de Nova York e Boston. Jackie foi declarada vencedora da 84ª Maratona de Boston. Foi descoberto que, dos 42km da prova, ela andou 25 deles de metrô. Rosie foi presa anos depois por envolvimento com drogas, e disse que voltaria a correr em 1998.

Bem… Estamos á espera. Só tomara que ela, dessa vez, corra de verdade.

Até Mais!

Anúncios

Sobre Felipe F.

Quem sou eu?Hm...Quem sou eu?Ah,bem...QUEM SOU EU?MEU DEUS,QUEM SOU EU?
Esse post foi publicado em Pessoas. Bookmark o link permanente.

Uma resposta para Rosie Ruiz, a maratonista subterrânea

  1. Felipe F. disse:

    Se ela fosse brasileira, ia jogar coisas online gritando “HUE HUE BRBRBR” 😆

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s